Estaremos de agora em diante, mostrando um pouco da Cultura do Povo Lagopratense em: Versos, Prosas,
Canções, Poesias, Crônicas, Teatro, Dança e Muito Mais.

Cultura em Lagoa

Cerimonial à São Carlos do Pântano - 72 Anos de Emancipação Político Administrativa

Moraesvirada Poeta José Eustáquio de Morais

Primeiro Conjunto Eletrônico de Lagoa da Prata

Lindíssima Lagoa da Prata 77 Anos

Lindíssima Lagoa da Prata 77 Anos

Fisioterapia Municipal

Secretaria de Assistência Social de Lagoa da Prata

Escola Estadual Virgínio Perillo em Lagoa da Prata

A Escola Estadual “Virgínio Perillo”  de Ensino Fundamental e Médio, foi criada pelo Decreto nº 10.250 em três de março de 1967, funcionando de 1ª a 4ª série. Teve sua extensão de série 5ª e 6ª, no ano de 1968 e em 1974 de 7ª e 8ª série. No ano 1982 deu início ao ensino de Pré-Escolar e em vinte e dois de março de 1985 pelo Decreto nº 2445 foi criado o ensino de 2º grau com dois cursos profissionalizantes: Técnico em Contabilidade e Técnico em Leite e Derivados. A escola funcionava em dois prédios até dezembro de 1992, sendo o primeiro situando na Avenida Benedito Valadares,182, e o segundo prédio a Avenida José Bernardes Maciel, 471 (prédio cedido pela prefeitura Municipal). Em janeiro de 1993, houve desmembramento, o primeiro ficando de 1ª a 8ª série, cujo nome Escola Estadual “José Teotônio de Castro”, e no segundo prédio (cedido pela prefeitura) a Escola Estadual “Virgínio Perillo”, com o ensino de pré-escolar, 1ª a 8ª séries e o 2º grau com dois cursos profissionalizantes: Técnico em Contabilidade e Técnico em Leite e Derivados. No ano de 1994, em janeiro, de acordo com a reorganização de ensino, a Escola Estadual “Virgínio Perillo” passou a funcionar somente com o ensino fundamental (5ª a 8ª série), no prédio (cedido pela prefeitura), situado na Avenida José Bernardes Maciel, no número 471, em Lagoa da Prata.



Em 2009, após um grande trabalho administrativo/pedagógico, a Superintendência de Ensino de Divinópolis executou uma reorganização do ensino oferecido pela escola, e esta passou a oferecer o Ensino Médio. Em 2011 e 2012 a escola contou com duas turmas do Projeto Aprofundamento de Estudos (Noturno). Em 2012, a atual gestão dava início aos seus trabalhos. Tão logo assumiu o cargo, a nova direção começou a colocar em prática seu plano de gestão, ações visando o bom funcionamento da escola e, simultaneamente, à oferta de um ensino de qualidade pautado numa rígida disciplina escolar mesclado com toda a essência da gestão democrática. A primeira grande ação da nova gestão foi cuidar da segurança e privacidade de todo o ambiente escolar. Para isso foi feita uma simples, mas eficiente reforma do muro da escola, onde foi colocado arrame farpado e cacos de vidros. Todos os portões de entrada/saída da escola foram trancados e a entrada de pessoas na escola com exceção de alunos e/ou funcionários passou a ser controlada por uma recepção criteriosa. Várias outras ações vêm sendo realizadas, sempre visando a promoção de um ambiente escolar pautado na solidariedade, reciprocidade, amorosidade, disciplina e sobre tudo na qualidade do ensino aprendizagem. São ações simples, mas que têm mostrado resultados surpreendentes, pois o ambiente escolar se apresenta cada vez mais harmonioso e toda a comunidade local e escolar tem abraçado com afinco esse novo plano de gestão. Um exemplo concreto dessa realidade, é a imensa procura por vaga na escola, sendo que em menos de quatro anos desse novo plano de gestão, a escola obteve um aumento de mais de 300% de seu corpo discente, passando de 358 alunos no início do ano de 2012 para mais de 1000 alunos ao final do ano de 2015.

Entre as ações que mais contribuíram para a construção do atual selo de qualidade da Escola Estadual “Virgínio Perillo” podemos citar a criação dos “Jogos Escolares” com o objetivo de promover a inclusão, minimizando as desigualdades e qualquer tipo de discriminação por condições físicas, sociais, de raça, de cor ou de qualquer natureza que limitem o acesso à prática esportiva, oferecendo aos alunos conhecimentos e vivências da prática esportiva nas dimensões lúdica e inclusiva, fortalecendo hábitos e valores que incrementem a formação da cidadania dos alunos e por fim ampliar o conhecimento dos alunos sobre a prática esportiva e suas relações com a cultura, educação, saúde e vida ativa; a criação da “Feira Cultural” que visa despertar nos alunos o interesse pela aprendizagem e valorizar as competências científicas de todas as pessoas envolvidas no processo, especialmente dos alunos, visando também formar valores e atitudes nos alunos através de um trabalho de grupo, fortalecendo o cooperativismo, o respeito, a ética e o cumprimento de regras; a comemoração da “Quadrilha” que busca incentivar nos alunos o gosto pelas festas juninas/julinas, oferecendo-lhes oportunidade de descontração, socialização e ampliação de seu conhecimento através de atividades diversificadas, brincadeiras, pesquisa e apresentações características destes festejos que fazem parte do folclore brasileiro, ressaltando seus aspectos, popular, social e cultural; o projeto de “Formatura dos 9º e 3º Anos” que visa proporcionar um momento em que o estudante realmente se dá conta que ele deixará de conviver com alguns colegas, que não seguirão com ele, e que terá de se preparar para as várias novidades da fase seguinte; a adoção de um novo “Uniforme Escolar” através de um concurso de desenho que estimulou os alunos da escola a expressar suas habilidades através da elaboração de desenho do novo uniforme. A escola apresentará no ano de 2016 um corpo docente composto por um diretor, dois vice-diretores, três especialistas, por volta de quarenta professores por área de ensino, uma secretária, cinco auxiliares de secretaria, doze auxiliares de serviços gerais. Todos os profissionais possuem a escolaridade mínima exigida, graduação superior de acordo com a disciplina lecionada. Vários profissionais possuem curso de pós-graduação. A educação continuada é garantida através das reuniões de Módulo II, onde são proporcionados estudos e discussões a respeito de assuntos variados. Além disso, os professores se interessam por outros cursos e estão em constante formação.

A escola possui treze salas de aula; uma biblioteca com um considerável acervo; uma sala de multimídia equipada com uma lousa interativa conectada à internet, cadeiras, ar condicionado; sala dos professores, secretaria, sala da direção e um refeitório. O pátio é amplo e possui uma pequena arquibancada. No refeitório a merenda é servida pelo próprio aluno, na quantidade desejada, evitando assim o desperdício. Para maior segurança o portão é eletrônico e todos devem passar pela recepção, onde sempre se encontra um funcionário. Parte das cadeiras dos alunos são plásticas, evitando o barulho e facilitando a locomoção dentro e fora da sala de aula, quando acontecem reuniões organizadas no pátio. Os alunos são diversificados quanto ao desempenho pedagógico e situação socioeconômica. Poucos apresentam defasagem idade/série.  Alguns estão na escola cumprindo obrigações legais, mas muitos são participativos, dedicados, entusiasmados com tudo que a escola oferece. Com isso os profissionais se preocupam além da informação com a formação dos estudantes, visando uma mudança de postura dos mesmos. Quanto à comunidade escolar, esta tem caminhado lado a lado com a atual direção.

Os pais estão sempre presentes e participando de eventos, reuniões e convocações. Visando auxiliar os pais que sempre reclamam de impossibilidade de comparecer à escola em horários normais de aula foi criado um diário exclusivo de fichas individuais contendo informações como: assiduidade, horário de chegada e saída, notas das avaliações bimestrais, conceitos, cabulações, justificativas enviadas pelos pais, conselho de classe e todo tipo de anotação necessária. Com esse diário repassamos aos pais pessoalmente ou por telefone a vida escolar do aluno com maior comodidade e precisão, mantendo-os sempre informados. É através do conjunto de normas estabelecidas, organizadas pelo colegiado e comunidade em geral, que a escola busca auxiliar a formação do educando dentro da sociedade: tolerância limitada no horário de entrada, uso obrigatório do uniforme, preservação do ambiente escolar, respeito mútuo, consciência de direito e dever, participação de atividades dentro e fora da sala de aula e eventos escolares. Logo no início do ano é oferecido ao aluno um cronograma especificando as normas da escola, os dias letivos, feriados, recessos, horários e dias das avaliações bimestrais, reuniões realizadas durante o ano com pais e alunos, etc.
Escola Estadual Virgínio Perillo



Roberto & Marcelino

99943-7353 (diretor)
99126-5196 (vice-diretor)


e-mail: escolavirginioperillo@gmail.com

Tel: (37) 3261-3222 (recepção)
Av. José Bernardes Maciel, 471, Centro

Lagoa da Prata - Minas Gerais

Nenhum comentário: